Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.mcti.gov.br/handle/mctic/3744
metadata.producao.dc.title: Aves e efeitos da fragmentação em um remanescente florestal do Quadrilátero Ferrífero, MG
metadata.producao.dc.contributor.author: Ferreira, Jordana Demicheli
metadata.producao.dc.contributor.authorLattes: http://lattes.cnpq.br/1608746631457686
metadata.producao.dc.contributor.advisor: Rodrigues, Marcos
metadata.producao.dc.contributor.advisorLattes: http://lattes.cnpq.br/3816726683009577
metadata.producao.dc.date.issued: 2009
metadata.producao.dc.type: Dissertação
metadata.producao.dc.description.resumo: O Quadrilátero Ferrífero é líder mundial na produção de minerais metálicos, principalmente minério de ferro. Essa intensa atividade mineradora é responsável pela transfiguração da paisagem com impactos ainda pouco estudados sobre a biodiversidade regional. O primeiro capítulo apresenta uma lista de aves de um remanescente florestal da região, a Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Mata Samuel de Paula (MSP). A reserva possui 147 ha e está localizada na área de transição entre Mata Atlântica e Cerrado, no município de Nova Lima. A vegetação é composta por floresta estacional semidecídua secundária, fitofisionomias campestres de cerrado e campos ferruginosos. O levantamento foi feito por observação audiovisual e captura com redes de neblina ao longo de um ano. Registrou-se 159 espécies de aves, das quais foram avaliados hábitat e freqüência de ocorrência, sazonalidade e situação de migração. A lista apresenta uma espécie globalmente quase-ameaçada de extinção, Embernagra longicauda, uma globalmente em perigo de extinção, Scytalopus indigoticus, uma considerada vulnerável em Minas Gerais e no mundo, Poospiza cinerea e outra considerada em perigo de extinção em Minas Gerais, Campephilus robustus. Ocorrem também 29 espécies endêmicas da Mata Atlântica, três do Cerrado e uma dostopos de montanha do sudeste do Brasil. Foi elaborada também uma análise comparativa de inventários de outras cinco unidades de conservação do Quadrilátero Ferrífero, que mostrou mais 44 espécies endêmicas da Mata Atlântica, cinco do Cerrado e uma dostopos de montanha do sudeste do Brasil, além de outras 17 ameaçadas de extinção. O segundo capítulo examina os efeitos da fragmentação nessa comunidade de aves. A hipótese da ‘amostra aleatória’ afirma que as comunidades de fragmentos pequenos são amostras aleatórias das áreas originais, pois são formadas por extinções estocásticas. Uma abordagem alternativa supõe que as probabilidades de extinção estão relacionadas a atributos biológicos das espécies, gerando comunidades não-aleatórias em fragmentos pequenos. É testado nesse capítulo se atributos biológicos como guilda, flexibilidade no uso de habitat, estado de raridade e endemismo estão relacionados à ausência de espécies no fragmento. As análises foram feitas pela comparação da comunidade observada a uma comunidade hipotética, gerada a partir de um regime de extinção aleatório realizado a partir de uma comunidade de um grande fragmento relativamente bem conservado da região. Algumas guildas se mostraram mais depauperadas e outras menos, sendo ‘insetívoro de forrageamento interno de tronco’, ‘insetívoros de forrageamento terrestre’ e ‘frugívoros/insetívoros grandes arbóreos’ as mais sensíveis e ‘frugívoros/insetívoros arbóreos pequenos de sub-bosque’ e ‘nectarívoros/insetívoros’ as mais resilientes. Conclui-se também que as espécies raras e incomuns estão mais ausentes do que o esperado nesse fragmento, assim como as espécies com baixa tolerância a bordas e florestas secundárias. O resultado obtido indica que a ausência de espécies na MSP não é aleatória, ao contrário, está relacionada a características intrínsecas das espécies. A partir dos resultados foram inferidos os fatores da paisagem que, aliados às características das espécies, mais determinam a sensibilidade à fragmentação. Reservas de grande área ou com apropriada conectividade e o controle da extração de madeira e caça são considerados, de acordo com os resultados, primordiais à conservação.
metadata.producao.dc.description.abstract: The Iron Quadrangle (IQ) is the global leader region in the production of metallic minerals, mainly iron mineral. This intense mine activity is responsible for the transfiguration of the landscape causing impacts that have not yet been deeply investigated on the regional biodiversity. The first chapter presents a list of birds of a protected forest remnant of the region, a private nature reserve named Mata Samuel de Paula (MSP). This nature reserve is 147 ha wide and is located in the transition area between the Atlantic Forrest and the Cerrado, near the city of Nova Lima. The vegetation is composed by seasonal semideciduous forest, savanic phytophysiognomies and ferruginous fields. The survey was made by audiovisual observation and mist-net captures throughout a year. It has been registered 159 species of birds, from which it has been assessed their habitat and frequency of occurrence, seasonality and migratory situation, endemism and conservation. The richness was estimated in 188 ± 7 species. The list presents a globally nearly-threatened with extinction species, the Embernagra longicauda, one species globally endangered, Scytalopus indigoticus, one species considered vulnerable in Minas Gerais state and in the world, Poospiza cinerea, and another considered endangered in Minas Gerais, Campephilus robustus. It also includes 29 endemic species of Atlantic Forrest, three of Cerrado and one of mountain tops of the southeastern Brazil. It has as well been elaborated a comparative analysis of avifauna of other five protected areas of IQ which has also shown other 44 endemic species of the Atlantic Forrest, five of the Cerrado and one of mountain tops of the southeastern Brazil, apart from other 17 species threatened with extinction. The second chapter examines the effects of fragmentation on the avifauna of the MSP. The hypothesis of the ‘random sample’ states that the small fragment communities are random samples of the original areas once they are formed by stochastic extinctions. An alternative approach understands that the probabilities of extinction are related to biological attributes of the species, generating nonrandom communities in small fragments. It is tested whether biological attributes such as guilds, flexibility in the use of the habitat, rarity and endemism are related to the absence of species in fragment. The analyses were made by the comparison between the observed community and a hypothetic community generated from a random extinction regime on the community of a big relatively well-conserved fragment in the region. Some guilds are more weakenedand other less, being ‘internal-bark insetivorous’, ‘terrestrial insectivorous’ and ‘large arboreal frugivorous/insectivorous’ the more sensitive and ‘small understory arboreal frugivorous/insectivorous’ and ‘nectarivorous/insectivorous the more resilient. It is also concluded that the rare and uncommon species are more absent then expected, as well as the species with low tolerance to edge and secondary forests. This result indicates that the absence of species in the MSP does not happen randomly, it is indeed related to intrinsiccharacteristics of the species. Based on the results it has been inferred the factors of landscape which allied to the characteristics of the species determinate the most the sensitivity to fragmentation, being the small size and the isolation of the fragments the most important. Nature reserves of great area or those having the suitable connectivity and the control on the wood extraction and hunting are to be considered fundamental to the conservation according to the results.
metadata.producao.dc.language: pt_BR
metadata.producao.dc.publisher: Universidade Federal de Minas Gerais
metadata.producao.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ecologia, Conservação e Manejo da Vida Silvestre
metadata.producao.dc.subject: Assunto::Animal em extinção
Assunto::Unidade de conservação
Assunto::Mineração
metadata.producao.dc.rights.access: Acesso Aberto
metadata.producao.dc.identifier.uri: https://repositorio.mctic.gov.br/handle/mctic/3744
Appears in Collections:Produção científica dos servidores

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2009_jordana_ferreira_disseracao.pdfJordana Ferreira - Dissertação (2009)13.45 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.