Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.mctic.gov.br/handle/mctic/3832
metadata.producao.dc.title: Desempenho do modelo global CPTEC/COLA durante episódios de ZCAS, utilizando os esquemas de convecção profunda tipo Kuo e Arakawa-Schubert relaxada
metadata.producao.dc.title.alternative: Performance of the CPTEC/COLA global model during SACZ episodes using Kuo and relaxed Arakawa-Schubert deep convection schemes
metadata.producao.dc.contributor.author: Mendonça, Antônio Marcos
metadata.producao.dc.contributor.authorLattes: http://lattes.cnpq.br/4230309177760883
metadata.producao.dc.contributor.advisor: Bonatti, José Paulo
metadata.producao.dc.contributor.advisorLattes: http://lattes.cnpq.br/3313228698942279
metadata.producao.dc.date.issued: 26-Aug-1999
metadata.producao.dc.type: Dissertação
metadata.producao.dc.description.resumo: Um dos fenômenos meteorológicos de verão mais importantes da América do Sul é a Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS). Diversos estudos têm sido feitos a fim de compreender a dinâmica atmosférica envolvida na sua formação. Neste trabalho, avalia-se a performance do modelo global do Centro de Previsão e Estudos Climáticos (CPTEC) durante três episódios de ZCAS. A avaliação do modelo é realizada com base em índices estatísticos, tais como erro médio, erro médio quadrático e coeficiente de correlação linear, para as variáveis altura geopotencial, temperatura virtual, convergência do fluxo de umidade, umidade específica, vento zonal, vento meridional e água precipitável. A avaliação da previsão de precipitação é baseada no índice threat score, dividindo-a em quatro categorias, chuva-não chuva, chuvas fracas, moderadas e fortes. Duas versões do modelo global são utilizadas, uma com o esquema de parametrização da convecção profunda tipo Kuo e outra com o esquema Arakawa- Schubert Relaxada (RAS). Compara-se a performance das duas versões para os casos de ZCAS selecionados em relação às regiões: América do Sul (AS), Tropical (TR), Extratropical (EX), Continente (CON) e Oceanos (OCE). Observa-se que a formação, a intensificação e a dissipação da ZCAS influenciam na qualidade das previsões, determinando em alguns casos, o final da previsão útil. A versão do modelo com parametrização Arakawa-Schubert apresenta melhor desempenho em prever a altura geopotencial (500 hPa), convergência de umidade (850 hPa), ventos zonal e meridional (850 hPa) em todas as regiões; no nível de 250 hPa, o vento zonal sobre as regiões AS, TR e CON e o vento meridional sobre a região TR; a temperatura virtual (1000 hPa) sobre as regiões AS, TR, EX e CON, e a água precipitável sobre as regiões AS, TR e CON. A versão com parametrização KUO apresenta-se melhor para a umidade específica em todas as regiões, para o vento zonal (250 hPa) e água precipitável sobre as regiões EX e OCE, e vento meridional sobre as regiões AS, EX, CON e OCE. A análise do índice threat score indica que ambas as versões apresentam melhor desempenho em prever a ocorrência/não ocorrência de precipitação e deficiência em prever chuvas fortes. Entretanto, em geral, a versão com Arakawa-Schubert apresenta melhores resultados.
metadata.producao.dc.description.abstract: One of the most important meteorological phenomena during summer in South America is the South Atlantic Convergence Zone (SACZ). Several studies have been accomplished in order to understand the atmospheric dynamics involved in its formation. In this work, the performance of the Center for Weather Forecast and Climate Studies (CPTEC) global model is evaluated during three episodes of SACZ. The evaluation of the model is accomplished based on statistical indexes, such as mean errors (BIAS), root mean square errors and anomaly correlation of geopotential height, virtual temperature, moisture convergence, specific humidity, zonal and meridional winds and precipitable water. The evaluation of the precipitation forecast is achieved by using threat score for rain-no rain, weak rain, moderate rain and heavy rain categories. Two versions of the global model are used, one with the Kuo parameterization for the deep convection scheme, and the other with relaxed Arakawa-Schubert (RAS) scheme. The performance of the two versions is compared for the selected SACZ episodes over the regions: South America (AS), Tropics (TR), Extratropics (EX), Continent (CON) and Oceans (OCE). It is observed that the formation, the intensification and the dissipation of SACZ affect the forecasts quality, determining in some cases, the end of the useful forecast. The version of the model with Arakawa-Schubert parameterization shows better performance in forecasting the geopotential height (500 hPa), moisture convergence (850 hPa), zonal and meridional winds (850 hPa) in all the regions; at 250 hPa, the zonal wind on the regions AS, TR and CON, and the meridional wind on the region TR; the virtual temperature (1000 hPa) on the regions AS, TR, EX and CON, and the precipitable water on the regions AS, TR and CON. The version with Kuo parameterization shows better performance for the specific humidity in all the regions, for the zonal wind (250 hPa) and precipitable water on the regions EX and OCE, and meridional wind on the regions AS, EX, CON and OCE. The analysis of the threat score index indicates that both versions shows good performance in forecasting occurrence/not ocurrence of precipitation and deficiency in forecasting heavy rain. In general, forecasts based on the Arakawa-Schubert scheme produces better results.
metadata.producao.dc.language: pt_BR
metadata.producao.dc.publisher: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais - INPE
metadata.producao.dc.publisher.program: Mestrado em Meteorologia
metadata.producao.dc.subject: Assunto::Atmosfera
Assunto::Meteorologia
Assunto::Mudança do clima
Assunto::Climatologia
metadata.producao.dc.rights.access: Acesso Aberto
metadata.producao.dc.identifier.uri: https://repositorio.mctic.gov.br/handle/mctic/3832
Appears in Collections:Produção científica dos servidores

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2003_antonio_mendonca_dissertacao.pdf1.43 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.